/ Notícias

Suspensa a inclusão de novos pacientes nas pesquisas com Fosfoetanolamina

Depois da grande expectativa criada acerca da eficácia da fosfoetanolamina no tratamento do câncer a partir do uso não controlado da substância em pacientes na USP São Carlos, foi suspensa a inclusão de novos pacientes nas pesquisas iniciadas em julho de 2016 por falta de benefício. Dos 59 pacientes avaliados até o momento, apenas um, portador de melanoma, apresentou resposta (teve redução objetiva do tamanho do tumor).

Os pesquisadores que conduzem o estudo discutem agora se a investigação seguirá em pacientes com melanoma.

Ao testar uma hipótese de forma ética e transparente, a pesquisa clínica auxilia médicos e pacientes a descobrirem o que funciona (e o que não funciona) no tratamento do câncer.

Leia mais em: http://g1.globo.com/bemestar/noticia/fosfoetanolamina-instituto-do-cancer-suspende-testes-devido-a-ausencia-de-beneficio-clinico-significativo.ghtml